10 de agosto de 2011

Tocacaminhar - Primeira caminhada nocturna

Ena! Só agora estou a publicar a caminhada (histórica, por ser a primeira!) nocturna que fizemos. E por ser a primeira não corremos muitos riscos, tendo tido a organizadora (Liliana) a preocupação de seleccionar um circuito fácil, sem grandes riscos em termos de acidentes de terreno, e num PR já por nós conhecido - Biorria, Salreu, Estarreja.
Assim, na noite de 16 de Julho, encontrámo-nos no Autocarro-bar (alguns de nós) e outros directamente no ponto de início ali junto ao apeadeiro de Salreu. Infelizmente a noite revelou-se bastante húmida, mesmo chuvosa, o que desencorajou algumas pessoas e algumas consequências nos dias seguintes (para mim). Mas vamos por partes...


...Figura_01: Foto do grupo dos 12 intrépidos caminhantes barra aventureiros, equipados a rigor para enfrentar a intempérie...


...Figura_02: A mesma equipa, a mesma paisagem, mas com a máquina a registar a imagem recorrendo apenas à luz das nossas lanternas...


...Figura_03: Por último, a mesma equipa, a mesma paisagem e a mesma máquina, mas desta vez recorrendo apenas ao seu flash! Digam lá que não parecemos umas "almas penadas"...


...Figura_04: E demos início ao PR, equipados com os nossos coletes reflectores, as lanternas acesas (pelo menos algumas) e a chuva a cair... Acreditem, não é a lua cheia que se vê na imagem, e sim um pingo de chuva a reflectir o flash!


...Figura_05: E eis o 13.º caminhante, presença habitual neste PR e principalmente à noite, que acompanha durante as primeiras dezenas de metros todos aqueles que por ali caminham. Depois volta para trás, aguardando por novos aventureiros.


...Figura_06: E lá seguimos nós, com o nosso "brilho natural" a reflectir o nosso ânimo e aqui já sem o gato.


...Figura_07: Até porque gato escaldado de água fria tem medo... e o que se vê na imagem não são nem várias luas cheias e muito menos sujidade na lente. Sim, adivinharam - continuam a ser pingos de chuva!


...Figura_08: Mas o nosso propósito de concluir a caminhada mantinha-se firme, pelo que fomos seguindo PR adentro (adoro esta palavra. Doravante irei usá-la mais vezes... E também adoro "doravante", mas isso acho que já vos tinha dito antes...)


...Figura_09: É verdade que não dava para tirar muitas fotos, pelo menos à paisagem. Assim, fomo-nos entretendo a tirar uns aos outros.


...Figura_10: Ou a nós próprios, numa homenagem ao "Clube dos Poetas Mortos"... claro que aquele perfil narigal não engana ninguém!)


...Figura_11: E quando chegámos perto do final do percurso, continuámos com as nossas experiências foto-artísticas...


...Figura_13: No final ainda tivemos a presença da Sandra e do Cândido (sem o Piruças), e mais duas pessoas que não chegaram a interagir connosco...

Regressámos molhados e felizes aos carros e retomámos para Aveiro. E porque nesse fim-de-semana contámos com a presença do nosso amigo António (o ganda músico de Alcochete), que me acompanhou nesta loucura nocturna, ficámos no domingo por casa a recuperar as forças... Ah! E as consequências da noite molhada terão sido... uma lesão na região lombar, que me levou às Urgências do Hospital de Aveiro e ao uso de uma cinta, para recuperar. E ainda o ter que faltar à última (e, pelos vistos, grandiosa) caminhada com que os Tocacaminhar encerraram o ano pedestrianista... mas com a promessa de, em Setembro, regressarmos ainda com mais entusiasmo a estas lides! Até lá, fiquem bem...

2 Comments:

Anonymous Anónimo said...

:D continuam é a achar erradamente que esses reflexos, são do flash a incidir nas gotas de chuva...
hão-de reparar que esses reflexos aparecem independentemente de chuva, calor, humidade, ou sujidade, é só pesquisar na net, por "Orbs"

bem haja a todos, e boas caminhadas.

04 setembro, 2011  
Blogger Phil Mount / Filipe Monteiro said...

Muito obrigado pela informação e correcção efectuada. Ainda nunca tinha ouvido falar em "orbs" mas fui já investigar no google, como sugerido. ;-)

06 setembro, 2011  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home